segunda-feira, junho 18, 2007

Os limpadores de estrelas*

Junho: As estrelas estariam mais sujas neste mês? São tantos pós cósmicos a serem limpos? Essas milhões de estrelas não estariam sozinhas e não sujas?

Por duas vezes perdi no mês de junho. Perdi para o ofício das estrelas, que é nobre, imortal e saudoso. Não me cobrem as festas juninas, não me cobrem os balões de São João. Por este mês já não desejo nada, exceto as lembranças que restaram para as estrelas.

Esses ventos de junho. Que levem a dor que eu sinto para cima. E assim ajudem na ocupação de soprar o pó das luzes. Nada mais.


As dores que sentimos só podem ser levadas ao alto. O porto me roubou minutos em companhia de D. Maria Helena, que foi limpar estrelas, ou melhor, pintar estrelas. Em breve teremos mais estrelas, mais brilhantes e coloridas, como ela gostava.

E que meu pai, bom contador que era, ajude a contar essas novas estrelas coloridas que despontam. No alto.


* Cortázar já sabia desse ofício.

8 comentários:

Clóvis disse...

Li e reli o seu texto, adentrando em cada palavra escrita e ainda mais no que ficou pairando no tempo...quantas linhas mostraram-se, o bom escrito escreve até no que há silêncio, nos mostrando caminhos, desempoeirando sensações.

Escuto Lenine agora, enquanto te escrevo, e essa canção, "O último pôr-do-sol" parece me cair como uma luva neste instante de introspecção.


Mais estrelas, então.
Para embelezar a noite enquanto brindamos poesia.


Meu beijo.

Clóvis disse...

escritoR*

Pedro Paulo Pan disse...

, estrelas limpas, contadas, recontadas, arrumadas... e nós? ficamos a observar...
, saudade de você garota.
, beijos meus.

fabio jardim disse...

saudade!

Pedro Paulo Pan disse...

, foi bom conversar com sua pessoa. é semre bom. faz sempre bem...
, ah! wanderléa em um certo bolachão foi um dos discos que acompanhou minha infância toda...
, beijos meus.

Pedro Paulo Pan disse...

, repito e agora certo. é sempre bom!

Karenina disse...

Êta Jana...todo mundo escreve, escreve um pouco...sim um pouco (depois de ler uns blogs por aí) beijos

Karenina disse...

Acho que passo por Belém nesse julho...
estaremos mais distantes...e como anda tu no Sul ? (perdão da flexão do verbo)
conto os dias para as férias...