terça-feira, agosto 15, 2006

desses dias em Saturno

esclarecerei.

sentado na cadeira onde vi sarabanda de bergman eu me debrucei sobre os textos que há muito devia ter lido. esses dias têm me consumido com ócio e mais algumas agruras cotidianas que se esgotam quando eu pego o ônibus em menos de trinta segundos de espera.

espero contribuir para a satisfação humana através do meu sorriso ao calçar as legítimas havaianas ou só sair de casa com uma reles blusa, sem tanto tecido.

nesses dias em saturno, eu descobri que ler em voz alta pode fazer bem para a memória. acho que é um bom exercício para as cordas da voz. além disso, gritar incita o desejo de sair correndo, pelos anéis ou pelas ruas, cortando os automóveis em tráfego ou ouvir as vicissitudes da vizinhança às 7h30.

escrever é uma das maiores esquizofrenias.
descobri e esclareci tudo. ainda estava em Saturno.

2 comentários:

pedro pan disse...

, fico feliz de receber notícias suas em saturno. e é com alegria que temos em a terra do nunca e outros lugares que venho saudar seu aparecimento...

|beijos meus, boa sorte|

carolina disse...

beleza, daqui eu te vejo melhor.
beijo tatuza de botas!